Decoração em série: Gossip Girl – Humphrey x Bass

Gossip Girl é, disparada, a série que mais tem ambientes incríveis. Primeiro que só por se passar em Nova York, ela já daria conta de todos os suspiros que eu teria pra dar, mas aí a cenografia é de cair o ** da bunda de ficar babando e super na dúvida de em qual dos apartamentos você gostaria de morar.

Sobre o enredo, a série norte-americana foi baseada na série de livros de mesmo nome da escritora Cecily Von Ziegesar e é, basicamente, sobre jovens estudantes das escolas de elite no Upper East Side de Manhattan, em Nova York, com direito a festas, desfiles de moda, intrigas, paqueras, sexo, drogas e rock’n’roll. Além, claro, de tudo ser devidamente exposto num blog de autoria anônima intitulado de Gossip Girl (xoxo). No meio de toda riqueza e ostentação que os personagens Blair, Serena, Chuck e Nate vivem, temos o núcleo mais simples composto pela família Humphrey, representados, na escola, pelos adolescentes Dan e Jenny. Como a história é cheia de indas e vindas, vamos nos concentrar apenas na ambientação e fazer, aqui, uma comparação de cenários observando as moradias de dois personagens bem distintos: Chuck fucking Bass e Dan Humphrey.

Chuck é aquele pobre menino rico que perdeu a mãe ainda bebê e nunca teve um pai presente, compensando a falta de amor com dinheiro e sendo um adolescente rebelde sem causa e até pedante, até a suposta morte do pai, onde então ele herda toda a fortuna, se tornando o dono das Indústrias Bass e sendo, assim, o jovem mais rico de toda Nova Iorque. Um dos empreendimentos é um hotel de luxo onde, na cobertura, encontra-se o apartamento onde Bass vive; tendo, em boa parte do tempo, o amiguinho Nate como colega de quarto. O apartamento tem uma vibe bem masculina-clássica-moderna. Só em olhar você já visualiza alguém que boêmio, que dá muito valor ao visual e ao conforto, não importa o quanto isso custe. Os tons fortes de laranja, azul e rosa são equilibrados com muito cinza e emadeirados. Vocês também olham esse ambiente e conseguem até imaginar o perfume do homem que moraria ali? Ou sou só eu?!

Por outro lado, temos o apartamento da família Humpfrey, composta por um papai solteiro e músico e dois filhos muito esforçados: Dan, aspirante a escritor e Jenny, aspirante a estilista. A família Humphrey mora no Brooklyn, conhecida como a parte mais humilde simples de Nova York. Totalmente diferente do glamour e da ostentação do apartamento de Chuck, o loft dos Humphrey tem uma vibe mais industrial, com muito tijolo aparente e portas de metal e couro, além de mobiliários adaptados para cada necessidade. Amo a estante enorme que ajuda a dividir os ambientes e  Rufus guarda sua coleção de vinis. O quarto dividido pelos irmãos também tem uma porta de rolo que dá a privacidade necessária aos dois, se tratando que são dois adolescentes. Eu, particularmente, me identifico bem mais com esse estilo, especialmente por achar uma casa mais “real”, cheia de lembranças e baguncinhas espalhadas.

E aí, qual dos ambientes vocês gostam mais?! Querem uma segunda parte mostrando a decoração da casa da Blair x a casa da Serena?!

Decoração em série: Sou Luna

Quando a pessoa é viciada em série, a gente acompanha até as séries que a filha assiste, né? E de todas que ela acompanha, essa é, definitivamente a minha preferida depois de iCarly. Sou Luna é uma série argentina tipo novelinha com coprodução da Disney e transmitida pelo Disney Channel. O enredo conta a história da adolescente (Luna) que mora em Cancún, ama cantar e sonha em ser patinadora profissional e tem a vida virada de ponta à cabeça quando seus pais recebem uma proposta de emprego em outro país. Já em Buenos Aires, ela conhece Ámbar e o namorado dela, Matteo, que acaba gostando de Luna (e vice-versa) e daí começa todo aquele enredo adolescente que a gente já sabe muito bem o final, mas mesmo assim fica ansiosa torcendo e acompanhando.

Com um quê de novela mexicana, ainda tem o agravante de ter toda uma história por trás envolvendo a Srta. Sharon, a patroa de seus pais, que é, na verdade, a tia biológica da Luna e está à procura da sobrinha perdida só pra se certificar que ela não venha colocar os dedos na herança dela, sem saber que a sobrinha já está morando na casa dela. Eita que confusão, né?! O núcleo adolescente, quando não está na escola, está no Jam and Roller, uma pista de patinação onde todos patinam, cantam, tomam suco e postam vídeos na internet, tudo isso em muito clima de intriga e paquera.

Fora todo o clima de “Malhação” que mesmo a gente crescendo, nunca se cansa, a série chama atenção por mais duas coisas: as músicas (são muito legaizinhas já aprendi todas) e a decoração, tanto da lanchonete/pista de dança, quanto do quarto da protagonista, que é o que vou mostrar aqui. Bora ver?

Vale ressaltar que a decoração foi toda “feita pela própria Luna“, que vai morar com os pais na mansão da patroa e dá aquele up no quarto pra que este fique mais a cara dela e ela possa fazer daquele espaço o seu lar. Apesar de ter muito colorido, nota-se uma predominância do azul e rosa, presente nas paredes. Em volta da porta e nas paredes laterais, podemos perceber vários desenhos feitos com stencil, que é uma solução bem baratinha pra quem quer uma parede mais divertida e não está no clima de usar papel de parede.

À esquerda da porta temos uma parede super rosa onde abriga a área da cômoda + prateleiras. Além de guardar roupas e afins, a cômoda também serve para exibir objetos decorativos e poderia, até mesmo fazer as vezes de penteadeira, se adicionado um espelho em cima. Mas no caso do quarto dela, há uma prateleira logo acima com mais outros objetos à vista.

Logo ao lado da cômoda, há uma área de leitura com uma poltrona e um banquinho coberto de crochê com revistas e livros, tudo bem colorido, mas sempre com os tons de azul e rosa em destaque. Acho um charme os passarinhos de origami pendurados acima como um móbile. Já a cama da Luna, localizada logo abaixo da janela, é de ferro e foi enfeitada com cordões de luz coloridos em rosa, roxo e branco que combinam com um criado mudo de madeira pintado de azul com um abajur rosinha e outros itens, incluindo flores. As flores também são vistas na roupa de cama e almofadas que compõem a cama e a poltrona.

Por último, pulamos para a a parte da direita da porta. Temos esse “vácuo” entre a cama e a escrivaninha e já que a câmera nunca mostra essa área, imaginamos um enorme guarda-roupa + porta pra o banheiro, quem sabe?! A escrivaninha, assim como o criado mudo e a cômoda, tem bem aquela cara de móvel antigo que contou com apicação de tinta pra dar uma repaginada, né? Acho que a intenção foi bem essa e é uma solução ótima pra quem possui móveis bons mas que acha que não ta combinando com o ambiente: taca tinta pra cima! Uma prateleira dupla fica à cima da mesinha, comportando livros, porta-retratos e outros itens decorativos. Gosto também do detalhes das caixas no chão e o “love” de metal na parede, onde ela usa para pendurar os colares.

E aí, gostaram do quarto da Luna? Não dá vontade de assistir à novelinha só pra ficar vendo a decoração? Só tenham cuidado, pois em poucos episódios vocês já vão estar cantarolando e querendo aprender a patinar rsrs. Que outras séries vocês queriam ver a decoração bem detalhadinha? Aceito sugestões!